2012-06-25

Guia do viajante solitário


Você vai viajar sozinho(ou mesmo em pequeno grupo) e não sabe o que espera e nem o que fazer?


Aqui vai algumas providências legais e úteis que eu uso:


Mantenha-se em contato

Quando você viaja sozinho(e até mesmo em grupo) é importante manter alguém informado da sua localização. Combine com um amigo ou parente de enviar, pelo menos,  um SMS ou email todo dia. Organize sua rotina de viagem para enviar em um horário ritmado tipo: antes de dormir, antes de almoçar, etc..

Quando o envio desse contato não for possível informe previamente o prazo de atraso que o próximo contato vai ter a fim de evitar preocupações desnecessárias.

Usando um celular, além do contato de segurança, ele vai facilitar você encontrar e viajar junto com grupos que você vai acabar conhecendo pelo caminho. Com o passar do tempo também vai se tornar uma distração naquelas longas jornadas que você acabar enfrentando.

Leve um aparelho celular quadri-band e compre um chip local. Procure saber das tarifas e se possível compre chip de uma operadora que possua pacotes. Esses pacotes devem ser cuidadosamente escolhidos de acordo com sua viagem. Não adianta nada pegar um pacote que funciona somente em uma cidade se você não for ficar nessa cidade tempo suficiente para usar tal pacote.

O aparelho a levar é uma escolha pessoal. Em alguns lugares é melhor levar um aparelho simples e barato pois se for roubado ou se acabar perdendo, o prejuízo não é grande. Nesse caso escolha a operadora com melhor opção em pacotes de SMS. Mas caso seja possível, leve um smartfone e escolha uma operadora que possua bons pacotes de internet mas nunca descartando a hipótese do SMS.


Proteja-se e não facilite

Turistas são algo visado em qualquer lugar do mundo. Tente ao máximo se parecer com um nativo. Se isso não for possível tente se misturar com outros turistas sempre que der mas mantenha-se sempre na borda do grupo para que em caso de assalto você possa deixar esse grupo como isca e fugir sem ser percebido pelos assaltantes.

Por vezes você terá que esperar em aeroportos ou terminais de ônibus. Nunca deixe suas bagagens soltas. Leve um barbante simples (se você esquecer o barbante use cadarço de tênis) e amarre-as umas às outras. Isso dificultará um possível furtador pois ele não conseguirá carregar tanto peso. O método que eu uso é colocar aqueles chaveiros tipo mosquetão em todas e qdo ficam no chão eu prendo uns aos outros. Se você tiver apenas uma, mantenha o pé sempre entrelaçado à alça enquanto a bagagem estiver no chão.

Nunca entregue seu passaporte/documento a alguém que não seja certificadamente uma autoridade local e mesmo assim não deixe que leve para longe de onde você possa ver. Aliás, nesse quesito é melhor ter cópia de um documento e um pouco de dinheiro/cartão-extra guardados em outro lugar da bagagem/corpo. Se você for assaltado entregue um e fique com o outro.... assim você terá um "suporte" depois do assalto.

Se você for ainda mais neurótico com segurança, mantenha um desodorante (anti-transpirante seco também funciona mas não arde tanto aos olhos e voa fácil com o vento) aerosol do tipo líquido, no bolso. Em caso de ofensiva desarmada você poderá usá-lo contra os olhos do ladrão e fugir enquanto este tenta se recuperar do ardor. Lembre-se: você é um viajante e não o Rambo!


Identifique-se

Já dizia o velho ditado: União faz a força

Coloque uma pequena (não exagere!) bandeira do seu país em algum lugar visível. Em caso de necessidade um conterrâneo por perto vai te ajudar. ;-)

Se você for alérgico a algum medicamento (como eu) deixe uma lista desses medicamentos dentro do passaporte ou junto ao seu documento de identificação de viagem. No passaporte você pode colar essa lista com um pingo de cola na última folha de anotações/observações que nenhum setor de imigração vai reclamar. E se reclamar você tira com cuidado e pega a fila novamente com outro funcionário que ele nem vai perceber.

Uma das coisas mais legais que eu fiz no sentido de identificar foi colocar alguns dados numa dogtag. Pra quem não sabe, dogtag é aquela placa metálica de identificação que soldados usam. Barata e praticamente indestrutível. Preste bem atenção quando for mandar fazer que a inscrição deve ser feita em relevo(batida) e não gravada. Veja a diferença:

RUIMIDEAL!
inadequadaideal!
Quando fiz a minha cabiam apenas 5 linhas com 12 letras cada então coloquei assim:
  1. Nome
  2. Sobrenome
  3. Fator sanguíneo
  4. Alergia
  5. País



Cuide da sua saúde

Não precisa nem mencionar que sua vacinação deve estar em dia! E em hipótese nenhuma saia do país sem ter todas as vacinas possíveis.

Em alguns países você pode se beneficiar do Certificado de Direito a Assistência Médica no Exterior. Clique aqui para mais informações.

Se você vai para locais com um desenvolvimento duvidoso (países da África e Oriente Médio por exemplo) leve um potabilizador* de água pois na pior das hipóteses você terá água para beber e o corpo humano consegue ficar por até 1 mês sem comida mas sem água não. Há vários potabilizadores no mercado. Muitos campistas usam o Clorin®. Eu nunca consegui achar ele pra vender. Em todo lugar que eu vou procurar está esgotado. O que eu uso e funciona muito bem é o Hidrosteril®. Para referência, o frasco de 50ml comprado em Jan/2012 custou R$6,50 numa farmácia perto de casa. Meu antigo cantil tinha 850ml e eu usava duas gotas sem prejuízo no gosto da água. Agora com o de 500ml é uma gota certinho.

 

Não se esqueça dos remédios. Leve os mais comuns que você costuma usar no seu país. Os remédios de uso contínuo devem ser em quantidade excedente à que você vai precisar. Analgésicos e anti-térmicos são imprescindíveis. Se você vai para algum lugar de frio considere levar medicamentos para gripes e resfriados também. Se vai para local de calor, considere levar protetor-solar. Mantenha todos esses remédios em um saco plástico ou em garrafinhas pet (eu prefiro essas que aliás são úteis para muitas coisas em uma viagem!) mesmo que você tenha aquela necessaire ou bolsa de remédios para evitar que se molhem se você pegar chuva.

Caso você seja picado por algum animal que não reconheça (inseto ou não) tente fotografar ou mesmo capturar o animal de maneira segura. Em caso de você precisar ir a algum hospital local, a foto ou o animal morto vai ajudar os médicos a diagnosticar rapidamente sua doença.


Registre!

Nada mais triste que uma viagem que você não lembra dos detalhes por isso uma câmera fotográfica e um bloco de anotações são indispensáveis.

Se você for como eu que não gosta de aparecer em fotos lembre-se sempre que ao registrar alguma coisa você precisa ter referencial. Não adianta você ter visitado a maior árvore do mundo se na foto ela parecer um simples coqueiro de praia. Se você não quer aparecer, procure pegar ângulos com turistas por perto ou coisas que façam referências como carros e postes. Se for registrar coisas pequenas use o polegar como referencial de tamanho.

Hoje em dia câmeras são vendidas em várias prestações cabendo em todo tipo de orçamento e existem inúmeros formatos/modelos. Prefira as simples, com boa resolução(acima de 5MP) e que funcione com pilhas comuns pois caso suas pilhas recarregáveis acabem você pode comprar pilhas no mercado local e continuar fotografando sem ficar refém de baterias específicas. Se você optar por uma câmera mais sofisticada pode acabar se limitando em alguns passeios.

Para referência: eu uso uma Sony Cybershot S3000 que tem custo estimado em R$300,00. É uma câmera simples, que usa duas pilhas e toda automática(facilita a foto quando você tem que se pendurar em algum lugar para pegar um bom ângulo rsrs). Ela ainda conta com diferencial que faz fotos panorâmicas como esta:






Lista básica do que levar

Aqui vai a minha lista base de coisas que eu geralmente levo em qualquer que seja a viagem:
(coloquei os checkbox pra ir "tickando" na hora de preparar a mochila ;-) )
  1.  alfinetes de segurança
  2.  adaptador múltiplo de tomada (mais conhecido por T)
  3.  baralho (ótima pedida pra passar o tempo e fazer amigos) 
  4.  barbante (não precisa ser o rolo todo)
  5.  * barbeador
  6.  bloco para anotações
  7.  boné
  8.  cadeado
  9.  ** câmera fotográfica 
  10.  caneta ou lápis com tampa (de caneta mesmo para não quebrar a ponta)
  11.  * canivete tipo suíço (ou similar e se possível com talheres) [PR]
  12.  cantil (de preferência plástico por causa dos potabilizadores de água que não podem ser usados com recipientes metálicos... eu uso uma garrafa de Gatorade que é bem resistente e barata) [PR]
  13.  carregador de pilhas bi-volt [PR]
  14.  chinelos
  15.  desodorante/anti-transpirante 
  16.  documentos
  17.  elásticos 
  18.  escova de dentes + creme dental
  19.  lanterna [PR]
  20.  mochila pequena / mochila de ataque (máx 20L)
  21.  papel higiênico
  22.  pente/escova (eu não uso... sou careca rs) 
  23.  pilhas recarregáveis (acondicionadas em garrafinhas pet) [PR][PR]
  24.  protetor solar
  25.  remédios
  26.  repelente (para corpo e o de tomada para o quarto)
  27.  sabonete
  28.  sabão em barra (pedaço pequeno)
  29.  sacos/salocas plásticas (para lixo, roupa suja, etc...)
  30.  toalha pequena (não a de rosto)

E aqui vai minha lista "evite surpresas" complementar.
  1.  um pacote de miojo (ou biscoitos) para emergências
  2.  * isqueiro (não recomendável para altas altitudes)
  3.  capa de chuva para mochila
  4.  capa de chuva 
  5.  extensão elétrica de 1 metro +/-
* esses itens geralmente só circulam em aeroportos dentro de bagagens despachadas 
** esses itens geralmente precisam ser declarados nas fronteiras
[PR] são links para compra ou referência dos produtos recomendados



Alguns dos itens acima ja estão explicados no contexto do post e outros alguns vão se perguntar: EIII! Pra quê isso????

Sim... há coisas que parecem absurdas como o barbante mas pensa... se você precisar de espaço na mochila? Você pode usar o barbante e amarrar as garrafinhas PET do lado de fora da mochila pra liberar espaço interno. Ou mesmo usar como cadarço de tênis.

Agora... se você vai para algum lugar mais "hostil" como uma trilha, por exemplo, ainda há uma lista adicional de coisas a se levar porém, essas são coisas a serem discutidas melhor no futuro: lista-adicional-para-locais-hostis

3 comentários:

Viagem ao meu mundo... disse...

ótimo post. Super útil e informativo.
Adorei a dica da garrafinha pet.

Willian disse...

É... essas garrafinhas são ótimas pq são pequenas, resistentes e com ótima vedação!

vinicius felix disse...

uma dica de loja que tem varias coisas para ajudar quem vai fazer um mochilão
http://sobrevivencialismo.com.br e http://bunkerbrazil.com.br
abraços ótimo artigos!